Vingadores – A Queda [Projeto Marvel #1]

Fala galera, beleza?! Dando inicio ao projeto “Marvel – Da Queda até O Cerco”, review de VINGADORES – A QUEDA!

Essa história foi recentemente publicada na coleção de Graphic Novels da Marvel pela editora Salvat com as histórias de Avengers 500-503 e Avengers Finale.

[Contexto] Sobre o contexto da história: O ano de 2004 foi de reformulação para os Vingadores. Depois de muito tempo sem algum evento de impacto e com vendagem não muito boa, a Marvel chamou Brian Michael Bendis para dar uma chacoalhada na equipe. E que chacoalhada, meus amigos. Com a parceria de David Finch nos desenhos, conseguiu levar os heróis mais poderosos da terra novamente ao topo. Para muitos, Bendis foi o principal responsável pela atual fama da Super-Equipe.

[Cronologia] Não dá pra resumir décadas de cronologia aqui, então vamos nos ater a dois eventos que são relevantes para A Queda. O primeiro é a morte de Jonathan “Jack” Hart, o herói conhecido como Valete de Copas. Seus poderes estavam aumentando e se tornando incontroláveis. A qualquer momento ele explodiria e poderia condenar a humanidade, por isso passava a maior parte do tempo confinado. Certo dia, a filha de Scott Lang (Homem-Formiga), Cassandra, foi sequestrada por um assassino. O Valete ajudou a salvar a menina e, como último ato, levou o sequestrador ao espaço, onde explodiu. Seu corpo ficou à deriva no universo.

Outra história importante a ser contada é da Feiticeira Escarlate (Wanda Maximoff). Ela se casou com o Visão e, apesar deste ser um androide, tiveram dois filhos. Ela acreditava que seu poder foi o responsável por conseguir dar a luz às crianças, porém descobriu que eles eram apenas fragmentos da alma de Mefisto. Sabendo que a perda dos filhos abalaria demais a mutante, decidiu-se apagar esse fato de sua memória.

[A História] Depois de todo esse prólogo, vamos ao que interessa. O encadernado começa com alguns vingadores conversando na mansão sede da equipe. De repente o sinal de intruso dispara e o homem-formiga vai averiguar. No jardim ele encontra um Jack Hart (que, como dissemos, havia morrido) desfigurado e parado na sua frente. Scott tenta conversar, mas é em vão… O Valete explode, destruindo a mansão e matando o então ant-man. Todos ficam atônitos e ninguém faz ideia de quem é o responsável por isso. [A partir daqui há consideráveis spoilers… caso não queira lê-los vá direto para a “Conclusão” do Review].

a queda explosão

Enquanto isso, em uma reunião da ONU, Tony Stark (que além de gênio, bilionário, playboy e filantropo era o secretário de defesa norte-americano) de repente perde o controle e tenta atacar um diplomata da Latvéria. Muitos acharam que o antigo problema com álcool voltara, mas Stark jurou que não havia bebido.

Retornando à mansão destruída: Outros vingadores, incluindo o Capitão América, já estavam de volta à base da equipe para dar o suporte necessário. Enquanto conversava com Jarvis, o Soldado avista uma nave caindo a toda velocidade em sua direção e “booom”… Mais uma explosão assola os heróis. Sem dar tempo de alguém entender o que estava acontecendo, o corpo do Visão sai da nave e, após se deformar, cospe esferas que dão origem a Ultrons. Aqui começa uma batalha épica na qual os Vingadores, após muito esforço, conseguem destruir os robôs. Porém, nesse meio tempo, a Mulher-Hulk começa a perder o controle. Após uma tentativa inútil de interrogar o corpo do herói androide, a mulher verde perde totalmente a sanidade e rasga o Visão ao meio.

Ou seja, após o Valete de Copas voltar do descanso eterno para se explodir, matando Scott Lang e destruindo a mansão. Após Tony Stark praticamente acabar com sua credibilidade (e, consequentemente, dos Vingadores). Após o visão jogar uma nave pra cima de sua própria equipe. Após uma batalha heróica contra Ultrons… Os Vingadores têm de enfrentar uma Mulher-Hulk enlouquecida. E isso tudo somente na primeira revista do arco. É galera, Brian Michael Bendis chegou arrebentando!

O saldo de toda essa porradaria? Vespa e Capitã Britania hospitalizadas em estado crítico, Mulher-Hulk mantida sob confinamento, Visão em pedaços e Homem-Formiga morto.

Nesse momento era de se esperar uma calmaria… só que não! Após uma discussão envolvendo Tony Stark e embriaguez, os heróis restantes se veem atacados por uma armada Kree em pleno solo terrestre. E assim tem início outra batalha. Depois de muita pancadaria, Gavião Arqueiro se atraca com um Kree e os dois caem na turbina de uma nave que explode, levando o herói à morte.

Após toda essa desolação, o Doutor Destino aparece, aparentemente, com a resposta para o porquê de tudo isso. Assim acaba a segunda revista.

O desenrolar da terceira e última revista tem de tudo… O mistério é revelado e todos passam a saber que quem causou toda essa encrenca foi a Feiticeira Escarlate, que descobriu sobre seus filhos e sua memória apagada. Os heróis tentam prendê-la, mas, obviamente, ela não se entrega. Usando seus poderes, conjura monstros em forma de Vingadores para lutar sua batalha. Em outra frente, Doutor Stephen Strange trava uma luta de magia com Wanda Maximoff e a derrota, finalmente. Como última surpresa da revista, Magneto aparece e leva o corpo desacordado de sua filha para um lugar desconhecido. E assim acaba o estrago de Bendis. Ou melhor, QUASE acaba.

Em “Vingadores – Finale” temos a última pá de terra na antiga equipe. Tony anuncia que não tem mais recursos para financiar os heróis. Os Vingadores estão oficialmente falidos. Jenifer, a mulher-hulk, diz que sairá da equipe por ter falhado como heroína (mesmo com todos sabendo que foi Wanda quem controlou sua mente quando ela surtou). Hank e Janet Pym aproveitam a oportunidade e comunicam que tentarão recomeçar a vida em Oxford. O Falcão, por motivos pessoais, também diz que está fora. Para encerrar a debandada, Capitã Britânia resolve voltar para seu país.

Pois é, isso sim que é uma reformulação de respeito. Mas pra ninguém dizer que o encadernado só tem tragédia, o encerramento é digno de inspiração para qualquer recomeço. Os heróis começam a dizer qual foi, na opinião de cada um, o momento mais marcante da história dos Vingadores até ali. Com lindas ilustrações feitas por diferentes artistas, os eventos narrados vão desde a formação original da equipe até a última batalha que tiveram com o poderoso Ultron!

a queda final

[Conclusão] Obra que não pode faltar na coleção de nenhum fã de quadrinhos. É uma daquelas peças-chave na cronologia da editora. Por isso mesmo é um excelente ponto de partida para leitores iniciantes. Fica aqui a recomendação: corram atrás desse material!

Agora uma observação interessante: acredito que vocês repararam que o Thor, personagem chave no Universo Marvel, não foi nem citado nessa resenha. A explicação pra isso estará na continuação do projeto “Marvel – Da Queda até O Cerco”!

Um abraço!

One Response

  1. Roger

    Um guia de leitura para novos leitores que gostariam de conhecer o universo Marvel através de suas sagas contemporâneas. Parabéns pela iniciativa. Também considero tudo que a Marvel fez até sua saga mais recente – Secreta Wars – responsabilidade de Bendis. Muitas sequelas e consequências que são abordados até agora, tiveram suas origens em Vingadores A Queda. E a homenagem Finale é uma bela história de transição.

    Responder

Leave a Reply to Roger Cancel Reply

Your email address will not be published.